Quem tem medo do lobo mau?

0
350
Ricardinho Chicarelli

Pela campanha na primeira fase do Estadual, o Operário se credenciou como um das principais equipes postulantes ao título. Um time maduro, com um técnico que detém um estilo próprio de jogo, um bom banco e vivendo um momento maravilhoso. Foram 11 jogos, 7 vitórias, 2 empates e somente 2 derrotas.


Nas quartas de final, o caçula Azuriz até que encrespou, levou a decisão para os pênaltis, mas não conseguiu ser eficiente nas cobranças. O lobo mau (fantasma no caso), meteu banca e tentou meter medo no Londrina. Fiz o primeiro jogo da semi do campo, como repórter da TV LEC e vi de perto o gol do bom meia Danilo, vantagem boa para o Tuba, que só enfrentaria o Fantasma no mês seguinte, em Ponta Grossa, devido ao calendário apertado do futebol brasileiro.


A diretoria decidiu preservar seus principais jogadores para o duelo importante com o Guarani, que por sinal é hoje, pela Série B. Seis titulares nem viajaram, Salatiel viajou mas ficou no banco, o técnico Roberto Fonseca também ficou em Londrina descansando e quem comandou o time foi seu filho e auxiliar, Juninho Fonseca.


O final da história vocês já sabem, trabalho sério, decisões tomadas em conjunto e um Londrina que chega credenciado para mais um título estadual, seja contra o Cascavel ou o Athletico.

Parceiros

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here